15 de setembro de 2008

Guia de Sobrevivência Revisado e Ampliado

Quando publiquei a minha tradução do Guia de Sobrevivência para Pessoas com Síndrome de Asperger sabia que aquela não era a melhor que poderia ser feita. Como disse naquela ocasião: na verdade eu só publiquei esta tradução porque achei que ninguém mais o faria tão cedo, então espero que esta publicação possa ser um incentivo para quem quiser ajudar a melhorá-la.

Bem, descobri hoje que minha idéia deu certo. Jorge Albuquerque aprimorou aquele trabalho que eu havia publicado e disponibilizou no seu blog uma nova versão do Guia do Sobrevivência para Pessoas com Síndrome de Asperger.

Como a minha tradução (e todo o material deste blog) havia sido publicada sob uma licença Creative Commons que permite a livre distribuição e a criação de obras derivadas desde que compartilhadas com uma licença que contenha estas mesmas liberdades (ver rodapé do blog para mais detalhes), deixo aqui desde já um PDF desta outra versão.

13 comentários:

Vinicius B Zimmer disse...

Olá pessoal do Olhar Aspie, meu nome é Vinicius Zimmer e estou divulgando um material na área da saúde. Primeiramente parabéns pelo blog, ele está muito bem escrito. Bom vamos lá, sei que seu blog não tem muito a ver com o que eu quero divulgar porem ambos são na área da saúde e achei interessante outros blogs abraçarem está causa.

Eu fico no aguardo de um email de vocês como resposta para vinicius.zimmmer@midiadigital.com.br para que a gente possa conversar melhor e eu lhe passar as informações completas caso você possa me passar um msn ou email eu fico muito agradecido, bom fico no aguardo da resposta de vocês e agradeço pela atenção, até mais!

mariamartin disse...

Venho dar-lhe os parabéns pela tradução do Guia, extensivos ao Jorge Albuquerque, que me pareceu muito útil e que imprimi para consulta.
Tenho um filho com 11 anos, diagnosticado há 2 com SA ligeiro e, por enquanto, tal guia não lhe será útil porque apesar de informado sobre a SA (dentro dos limites da sua idade,claro!) uma das suas carecterísticas é saber sempre tudo e nunca ter dúvidas!!!
E, por isso, pergunto-lhe:quando sentiu a necessidade de se auto-corrigir? Ainda adolescente ou já adulto? Quando criança também achava que não precisava de mudar ou de aprender a ser mais "como os outros"?
Obrigado!
mariandre

Mina disse...

Adicionei, o seu blogue na lista de blogues do Bruno V.
Espero que não veja inconveniente nisso.
Não sei bem como as coisas funcionam, inicialmente até só adicionei 3 para testar, não é que o Bruno ligue muito ao nº. de blogues que tem associados.
Liga mais aos comentários...
Mas penso que será sempre uma mais valia para quem nos visita, e espero que venha a ser o seu caso.

A nossa morada é: www.asperger-eu.blogspot.com

Desejamos um Santo Natal a todos, com a presença dos melhores presentes, aqueles que todos os anos gostamos de ver renovados Saúde, Paz e Amor e em tempos de crise tbm umas prendinhas materiais, só, para os que nos são queridos...
bjocas

Mari disse...

Olá, gostaria de entrar em contato com você. Trabalho na AMA, e temos batalhado muito para desenvolver serviços significativos para pessoas com Asperger. Temos promovido encontros e elaborado projetos de terapias e oficinas. Talvez você nos ajude a entrar em contato com "Aspies" que se interessem por essas atividades.
Aguardo contato.
Mariana Lopes
marianalopes@ama.org.br

maira disse...

Olá, sou jornalista da revista IstoÉ e estou fazendo uma matéria sobre Síndrome de Asperger. Gostaria muito de falar com você. Você poderia me passar seus contatos pelo email maira@istoe.com.br ? (a matéria é para esta semana). Muito obrigada e parabéns pelo blog! Maíra.

Fabi disse...

Olá,
Preciso de uma indicação de um médico neurologista na cidade de São Paulo que seja um especialista na síndrome de Asperger.Desconfio que tenho um filho nestas condições, já adulto.
Att,´
Fabiana

Anônimo disse...

Talvez possa responder à Fabiana (pergunta de 12/07/09), que pede indicação de um medico.
Trata-se do Dr. Estevão Vadaz, de São Paulo. Basta pesquisar um pouco sobre ele para saber que ele é, sem dúvida, um grande especialista na Sindrome de Asperger.

HILDETE disse...

Olá,sou assinante da revista Istoé.
e li a reportagem (Síndrome de Asperge).tenho um filho que tem as mesmas caracteristicas.Peço uma indicação de profissional em terapia cognitiva.Ele tem 22 anos.

Raphael disse...

OLÁ! ME CHAMO JOSIANE, TENHO UM FILHO DE 7 ANOS QUE DESDE QUANDO NASCEU ERA DIAGNOSTICADO COMO HIPERATIVO, MAS HOJE DEPOIS DE 5 ANOS DE TRATAMENTO O NEUOROPEDIATRA DELE AFIRMA DE QUE É ASPERGER. DEPOIS DE LER OLHANDO EM MEUS OLHOS DESCOBRI QUE MEU MARIDO É ASPERGER SOFREU O MESMO TANTO QUE O AUTOR DO LIVRO,ME EMOCIONEI E AGORA O ENTENDO E O AJUDO COM SUAS DIFICULDADES, NOSSO FILHO TEM UM GRAU MUITO LEVE, É EXTREMAMENTE SOCIAVEL, O QUE MAIS PESA PRA ELE SÃO AS METAFORAS, MAS ESTAMOS ENSINANDO. AGRADEÇO QUE HOJE SE FALE NO ASSUNTO ABERTAMENTE, OU DO CONTRARIO MUITAS CRIANÇAS SOFRERIAM COMO MEU MARIDO. SE QUIZEREM TROCAR IDÉIAS MEU MSN É raphaelfalk@hotmail.com
BOA SORTE A TODOS NÓS.

maria cristina disse...

Olá!

Meu nome é Cris e quero compartilhar uma notícia muito importante para as pessoas envolvidas com a questão do autismo! http://bit.ly/bMkYx9

Vale a pena ler e divulgar!

Um grande abraço!

Cris Santos

Anônimo disse...

OLÁ PESSOAL, MEU NOME É SÉRGIO E TENHO UMA COISA PARA DIZER. TENHO UM PROBLEMA EM RELAÇÃO AOS ESTÍMULOS.NA VERDADE, SINTO UMA DOR SOBREHUMANA EM RELAÇÃO A ELES, ISTO ABALA O MEU MUNDO E ME FAZ VER E ENTENDER AS COISAS DISTORCIDAMENTE, DE UMA MANEIRA ERRADA.MINHA GOSTARIA SINCERAMENTE QUE SE ALGUÉM QUE TENHA A SÍNDROME DE ASPERGER SINTA QUALQUER TIPO DE DOR, ME FALE SOBRE ELA.EM VIRTUDE DESSA DOR, MINHA VIDA TEM SIDO SÓ DESTRUIÇÃO DESDE O DIA EM QUE NASCI.MINHA FAMÍLIA ACHA QUE EU TENHO SÍNDROME DE ASPERGER, MAS, AO MEU VER, TENHO UMA COISA TOTALMENTE DIFERENTE DO QUE ESTE MUNDO JÁ VIU.

Anônimo disse...

ola pessoal. tenho algumas das caracteristicas do livro e mais outras quem me diaginosticos foi salomão sausserman

Harry disse...

Maurício, haveria alguma forma de você entrar em contato comigo? Gostaria de trocar idéias sobre o blog. Meu e-mail é harry_reaves@hotmail.com. Sinta-se a vontade para me escrever. Meu filho tinha SA e tenho muitas informações que talvez possam ajuda-lo e a outras pessoas também.